pt

Sobre a Robert Walters Portugal

Para nós, o recrutamento é mais do que apenas um trabalho. Entendemos que por trás de cada oportunidade está a chance de fazer a diferença na vida das pessoas.

Saiba mais

Trabalhe connosco

As pessoas são o coração do nosso negócio. Ouça histórias da nossa equipa para saber mais acerca de uma carreira na Robert Walters Portugal.

Saiba mais

Contacte-nos

Verdadeiramente global e orgulhosamente local, estamos em Portugal há cerca de 7 anos sempre prontos para oferecer-lhe as melhores soluções de recrutamento.

Fale connosco
Ofertas de emprego

Os nossos especialistas do setor ouvirão as suas aspirações e partilharão a sua história com as organizações de maior prestígio em Portugal. Juntos, vamos escrever o próximo capítulo da sua carreira.

Ver todas as ofertas de emprego
Candidatos

Juntos, mapearemos caminhos que definem a sua carreira e mudam a sua vida para alcançar as suas ambições profissionais. Navegue pela nossa gama de serviços, conselhos e recursos.

Saiba mais
Serviços

Os principais empregadores de Portugal confiam em nós para fornecer soluções de contratação rápidas e eficientes, adaptadas às suas necessidades exatas. Navegue pela nossa gama de serviços e recursos personalizados.

Saiba mais
Sobre a Robert Walters Portugal

Para nós, o recrutamento é mais do que apenas um trabalho. Entendemos que por trás de cada oportunidade está a chance de fazer a diferença na vida das pessoas.

Saiba mais

Trabalhe connosco

As pessoas são o coração do nosso negócio. Ouça histórias da nossa equipa para saber mais acerca de uma carreira na Robert Walters Portugal.

Saiba mais
Contacte-nos

Verdadeiramente global e orgulhosamente local, estamos em Portugal há cerca de 7 anos sempre prontos para oferecer-lhe as melhores soluções de recrutamento.

Fale connosco

44% dos profissionais em Portugal consideram que a sua produtividade aumentou com o teletrabalho

Uma nova pesquisa global da Robert Walters realizada a 5500 pessoas sobre o impacto do COVID-19 na vida profissional revelou que, em Portugal, 44% dos profissionais consideram que a sua produtividade aumentou a trabalhar a partir de casa e 89% estão satisfeitos com a situação de teletrabalho atual.

Outros dados relevantes:

  • Apenas 4% dos profissionais desejam voltar a trabalhar full-time no escritório da empresa após a pandemia
  • 96% querem continuar a ter a opção de teletrabalhar após o COVID-19
  • 40% trabalham a partir da mesa da cozinha ou sala de jantar
  • 5 em cada 10 revelam ter mais autonomia  
  • 29% dos profissionais aproveitam para dormir mais horas ao não terem de se deslocar para o escritório
     

A produtividade no trabalho aumentou para 44% dos profissionais

Os 6 principais fatores que favoreceram o aumento da produtividade dos profissionais em Portugal foram uma maior flexibilidade nos horários de trabalho (58%), mais autonomia (54%), trabalhar num ambiente mais confortável e relaxado (51%), maior capacidade de concentração e menos distrações (44%), menos tempo perdido em deslocações para o escritório (44%), e menos reuniões (47%). 

Por outro lado, os profissionais encontraram algumas dificuldades ao trabalhar em casa, como a falta de um escritório com todas as condições necessárias (por exemplo mobiliário ergonómico ou mais do que um ecrã – 18%), diminuição da comunicação com colegas de trabalho (47%), maior frequência de reuniões ou check ups mais frequentes do chefe de equipa a saber o estado de tarefas específicas (18%), ou distrações em casa (70%).

5 em cada 10 profissionais tiveram uma experiência positiva em termos de saúde mental em regime de teletrabalho

De uma perspectiva de saúde mental e bem-estar, apenas 2 em cada 10 profissionais revelaram uma experiência negativa ao trabalhar a partir de casa, pela maior dificuldade em separar a vida pessoal da profissional (50%), falta de interação física com a equipa (45%), algumas distrações em casa (41%) e por trabalharem mais horas neste regime (32%).

Por outro lado, os principais fatores que contribuíram para uma experiência positiva no que diz respeito ao bem estar mental foram uma maior flexibilidade no trabalho (77%), possibilidade de trabalhar num ambiente mais relaxado (68%), possibilidade de passar mais tempo com a família (64%) e ausência de deslocações até ao escritório (48%).

Para os profissionais em Portugal, o tempo extra que ganharam em não ter de se deslocar até ao trabalho é utilizado agora para exercício físico (37%), tarefas domésticas ou pessoais (34%), dormir mais horas (29%) ou passar mais tempo com a família (28%). 

96% dos profissionais em Portugal desejam manter a opção de teletrabalho após a pandemia

Questionados sobre a possibilidade de incluir mais teletrabalho quando regressarem a uma estrutura de trabalho mais próxima da normalidade, 96% dos profissionais responderam que sim, estando 89% satisfeitos com a situação de teletrabalho atual. 

52% afirmam que gostariam de poder teletrabalhar pelo menos uma vez por semana, enquanto 20% preferem a opção de teletrabalhar no mínimo 2 vezes por mês. 24% dos profissionais inquiridos gostariam de poder teletrabalhar permanentemente, indo só pontualmente ao escritório, quando fosse essencial. Apenas 4% revelam a preferência de voltar para o escritório full-time sem possibilidade de trabalhar remotamente. 

Em contraste, antes da pandemia, 25% dos profissionais não podiam teletrabalhar, e 25% podiam apenas fazê-lo em situações excecionais, por exemplo quando tinham uma consulta no médico. 26% dos profissionais podiam teletrabalhar um número limitado de dias por mês, e apenas 24% podiam fazê-lo quando quisessem. 

As empresas não poderão ignorar uma vontade tão forte e unânime dos profissionais em equacionar mais opções de teletrabalho nos seus pacotes de benefícios.

Espaço de trabalho em casa: cozinha, escritório, sofá ou cama

40% dos profissionais revelaram trabalhar em casa a partir da mesa da cozinha ou sala de jantar, enquanto 57% têm a possibilidade de fazê-lo num escritório em casa. Por outro lado, 14% revelaram teletrabalhar do sofá da sala, e 5% trabalham na cama ou no quarto. Apenas 4% dos profissionais portugueses trabalham numa zona exterior (varanda ou jardim). 

François-Pierre Puech, Country Director na Robert Walters, comenta:

“Perante estes dados, as empresas não poderão ignorar uma vontade tão forte e unânime dos profissionais em equacionar mais opções de teletrabalho nos seus pacotes de benefícios. O teletrabalho já era, antes da pandemia, um tema cada vez mais falado. As empresas mais pioneiras neste sentido foram as de tecnologia (de startups a multinacionais) a grandes multinacionais do setor de FMCG, que já incluíam o trabalho remoto nos seus pacotes de benefícios para fortalecer a retenção e atração de talento. Na Robert Walters, acreditamos que o teletrabalho, a contratação e o onboarding na modalidade remota estão aqui para ficar como uma nova maneira de trabalhar após o Covid-19.”

Este estudo sobre o impacto do COVID-19 na vida profissional foi realizado em Maio de 2020 a 5500 profissionais de diversos países, 320 em Portugal. 

Para mais informação, visite a nossa página sobre Smart Working ou assista aos nossos webinars. Precisa de conselhos de contratação, ou tem uma oferta de emprego? Entre em contacto connosco.

Partilhar artigo

Links relevantes

Envie-nos a sua oferta de emprego
Pesquisa Salarial
Conselhos de contratação
Fale connosco

Saiba mais ao entrar em contacto com um dos nossos consultores especializados em recrutamento

Conteúdo relacionado

Ver todos

10 práticas essenciais para prevenir o burnout

Burnout, síndrome que tem aumentado com as consequências económicas, sociais e profissionais. 82% dos profissionais já sofreram de burnout alguma vez na sua vida laboral Embora o conceito não seja novo, foi em 2020 que a OMS identificou o burnout como uma doença mental legítima e diagnosticável. Os

Ler mais

5 maneiras de atrair o melhor talento para a sua empresa

Desde oferecer oportunidades de voluntariado a programas de formação feitos à medida, há várias formas de atrair os melhores candidatos que vão além do salário. Embora o salário seja um aspeto fundamental para se aceitar uma proposta de emprego, para muitos candidatos não é o único fator a considera

Ler mais

Para líderes: Identifique pontos fortes e oportunidades de gestão

Quando se trata de estilos de liderança, não existem regras rígidas e rápidas sobre a abordagem a ser seguida. No entanto, existem certas habilidades e atributos importantes que são úteis para liderar equipas produtivas, envolvidas e felizes. Enumeramos 9 dias para ajudar-lhe a ser um líder inspirad

Ler mais

Sou Robert Walters, você é?

Junte-se à nossa equipa global de pensadores criativos, solucionadores de problemas e trabalhadores inovadores. Oferecemos progressão acelerada na carreira, uma cultura dinâmica e treino especializado.