pt

Sobre a Robert Walters Portugal

Para nós, o recrutamento é mais do que apenas um trabalho. Entendemos que por trás de cada oportunidade está a chance de fazer a diferença na vida das pessoas.

Saiba mais

Trabalhe connosco

As pessoas são o coração do nosso negócio. Ouça histórias da nossa equipa para saber mais acerca de uma carreira na Robert Walters Portugal.

Saiba mais

Contacte-nos

Verdadeiramente global e orgulhosamente local, estamos em Portugal há cerca de 7 anos sempre prontos para oferecer-lhe as melhores soluções de recrutamento.

Fale connosco
Ofertas de emprego

Os nossos especialistas do setor ouvirão as suas aspirações e partilharão a sua história com as organizações de maior prestígio em Portugal. Juntos, vamos escrever o próximo capítulo da sua carreira.

Ver todas as ofertas de emprego
Candidatos

Juntos, mapearemos caminhos que definem a sua carreira e mudam a sua vida para alcançar as suas ambições profissionais. Navegue pela nossa gama de serviços, conselhos e recursos.

Saiba mais
Serviços

Os principais empregadores de Portugal confiam em nós para fornecer soluções de contratação rápidas e eficientes, adaptadas às suas necessidades exatas. Navegue pela nossa gama de serviços e recursos personalizados.

Saiba mais
Sobre a Robert Walters Portugal

Para nós, o recrutamento é mais do que apenas um trabalho. Entendemos que por trás de cada oportunidade está a chance de fazer a diferença na vida das pessoas.

Saiba mais

Trabalhe connosco

As pessoas são o coração do nosso negócio. Ouça histórias da nossa equipa para saber mais acerca de uma carreira na Robert Walters Portugal.

Saiba mais
Contacte-nos

Verdadeiramente global e orgulhosamente local, estamos em Portugal há cerca de 7 anos sempre prontos para oferecer-lhe as melhores soluções de recrutamento.

Fale connosco

Quais os sacrifícios que os profissionais estariam dispostos em troca de trabalhar quatro dias por semana?

De acordo com uma pesquisa realizada, foi revelado que uma porcentagem significativa de profissionais estaria disposta a renunciar de certos aspetos de trabalho para desfrutar de uma semana de trabalho mais curta. Os resultados mostram que 13% dos entrevistados prefeririam abandonar o modelo de trabalho híbrido, que combina dias no escritório e dias de teletrabalho, para ter um dia adicional de folga. Além disso, 7% estariam dispostos a sacrificar vantagens como oportunidades de formação e desenvolvimento profissional.

Por mais surpreendente que possa parecer, 71% até abririam mão da interação com colegas e da participação em eventos corporativos internos.

François-Pierre Puech, Country Director da Robert Walters Portugal, comenta esta tendência emergente: "Nos últimos meses, assistimos a um aumento dos dias de trabalho presencial no escritório, o que gerou maior energia, colaboração, criatividade e produtividade. Portanto, é difícil entender por que uma semana de trabalho de quatro dias pode ter um impacto negativo na cultura corporativa ou no bem-estar da equipa."

E acrescentou: "Tal como experimentámos o teletrabalho e, posteriormente, o modelo híbrido, qualquer mudança no ambiente de trabalho vem sempre acompanhada de desafios. Por esta razão, os líderes empresariais precisam ser cautelosos, mas também estarem abertos a se adaptar às exigências da sua força de trabalho."

Estes resultados demonstram que um número significativo de profissionais está disposto a fazer sacrifícios em prol de uma semana de trabalho mais curta. No entanto, é essencial que as empresas tenham em conta as preferências e necessidades dos seus colaboradores, a equilibrar produtividade com bem-estar e satisfação no trabalho.

A semana de Trabalho de Quatro Dias é um Privilégio Desejado?

De acordo com os resultados da pesquisa realizada pela Robert Walters, 91% dos profissionais estão interessados em que suas empresas implementem a semana de trabalho de quatro dias. Aliás, este aspeto encabeça a lista de benefícios mais valorizados por quem procura novas oportunidades de emprego. 49% dizem que seria o fator mais atraente ao considerar uma vaga, enquanto 35% preferem a flexibilidade de trabalhar de qualquer lugar.

Curiosamente, 15% dos inquiridos estão dispostos a aceitar um aumento salarial de 10-15% em troca de desfrutar de uma semana de trabalho mais curta. Por outro lado, apenas 1% considera abdicar deste benefício para ter mais eventos internos no escritório ou desfrutar de pequenos-almoços fornecidos pela empresa.

François, nas suas declarações, comenta: "É inegável que as organizações têm uma maior responsabilidade pelo bem-estar dos seus colaboradores. No entanto, é importante que os profissionais também entendam que essa responsabilidade é mútua e que têm o dever de contribuir para o sucesso do negócio, especialmente em períodos de incerteza econômica."

Esses achados evidenciam a crescente preferência dos profissionais pela semana de trabalho de quatro dias e sua disposição em aceitar condições diferentes para usufruir desse benefício. À medida que as organizações procuram adaptar-se às necessidades em mudança dos seus colaboradores, surge a importância de encontrar um equilíbrio entre o bem-estar individual e o desempenho empresarial num ambiente de trabalho em constante evolução.

Teste-piloto no Reino Unido: Avaliação dos Resultados

No início deste ano, mais de 60 empresas com quase 3.000 funcionários participaram do programa piloto Week Pilot Trail de 4 dias. Os dados recolhidos durante este período fornecem uma visão interessante sobre os efeitos da semana de trabalho de quatro dias. Seguem-se as principais conclusões:

  • 28% dos participantes relatam ter trabalhado as mesmas ou até mais horas do que com a semana de trabalho de cinco dias.
  • 49% não sofreram alterações significativas nas horas extraordinárias trabalhadas.
  • 22% apresentaram sintomas da síndrome de burnout.
  • 15% relataram dificuldade em adormecer e 45% dizem que a qualidade do sono não melhorou significativamente.
  • Apenas 2% afirmam que a sua carga de trabalho diminuiu, enquanto 20% indicam que aumentou e 78% não veem alterações significativas.
  • 42% dos participantes acreditam que o nível de complexidade do seu trabalho aumentou.
     

François comenta estes dados: "Estes resultados não indicam que a semana de trabalho de quatro dias seja inviável. No entanto, eles fornecem informações que podem ajudar as organizações a entender quais aspetos funcionam e quais não funcionam. Assim, podem tomar decisões estratégicas tendo em conta que esta vantagem não se traduz necessariamente num aumento da produtividade ou numa melhoria do bem-estar, como se acreditava inicialmente."

Essas descobertas permitem que as organizações avaliem e considerem cuidadosamente a implementação da semana de trabalho de quatro dias, levando em consideração as implicações para os funcionários e o desempenho geral do negócio. A recolha de dados e o pensamento estratégico são fundamentais para tomar decisões informadas e garantir o equilíbrio certo entre produtividade e bem-estar dos trabalhadores.

Partilhar artigo

Links relevantes

Envie-nos a sua oferta de emprego
Pesquisa Salarial
Conselhos de contratação
Fale connosco

Saiba mais ao entrar em contacto com um dos nossos consultores especializados em recrutamento

Conteúdo relacionado

Ver todos

7 maneiras de se destacar dos outros candidatos

É um excelente candidato para a oferta de emprego? Mas não é o único. Inspire-se nestas histórias de candidatos que foram além do necessário para impressionar uma empresa e conseguir uma proposta de emprego. Em muitas indústrias e profissões, a competição por bons empregos continua a aumentar. Claro

Ler mais

4 dicas para que a sua proposta de emprego seja difícil de recusar

Os profissionais à procura de uma nova oportunidade de emprego têm muitas vezes mais do que uma oferta em cima da mesa. Para além do pacote salarial, pretendem uma função que inclua benefícios específicos, assim como um ambiente de trabalho em que se sintam valorizados e possam ter progressão de car

Ler mais

A importância de um processo de recrutamento eficaz

É essencial gerir as entrevistas de emprego corretamente para conseguir contratar os melhores profissionais. Muitos responsáveis de contratação já compreenderam a necessidade e importância de realizar entrevistas de maneira eficaz, chegando a promover e implementar medidas específicas. Mas serão as

Ler mais

Sou Robert Walters, você é?

Junte-se à nossa equipa global de pensadores criativos, solucionadores de problemas e trabalhadores inovadores. Oferecemos progressão acelerada na carreira, uma cultura dinâmica e treino especializado.