50% dos profissionais de recursos humanos esperam aumento salarial este ano

Lançamento do Salary Survey Global 2021 - Últimas tendências de emprego e de contratação – Spotlight RECURSOS HUMANOS 

A Robert Walters, consultora de recrutamento especializado para postos intermédios e diretivos a nível global, acaba de lançar uma nova plataforma digital para o seu Salary Survey 2021. A plataforma inclui informação salarial para centenas de funções em 31 países, vídeos dos nossos especialistas sobre as principais tendências de emprego para cada área de especialização e de mercado, e infográficos sobre as expectativas das organizações e profissionais para 2021 baseados em dois estudos realizados pela Robert Walters a nível global em Dezembro de 2020.* 

Especificamente, apresentamos abaixo os principais insights relativamente à área de Recursos Humanos em Portugal:  

Expectativas das empresas e profissionais de recursos humanos para 2021 

71% dos profissionais de RH procuram uma nova oportunidade de emprego em 2021, e 57% estão confiantes relativamente a oportunidades de emprego na sua área. Por outro lado, 50% esperam um aumento salarial em 2021. 

Segundo a nossa pesquisa, 77% dos profissionais que trabalham em recursos humanos são mulheres, e existe uma necessidade de talento moderada no mercado. A média de permanência num posto de trabalho para estes profissionais é de 1.2 anos. 

Quando questionados sobre o que mais valorizam num empregador em 2021, os profissionais de recursos humanos destacaram na sua maioria uma excelente remuneração e benefícios, terem autonomia no trabalho, e uma cultura corporativa e colegas que inspirem. Quanto aos estilos de trabalho preferidos por estes profissionais, o top 3 seria a possibilidade de trabalho 100% remoto, maior foco no bem-estar, e possibilidade de ter horários flexíveis.

Salários

Em relação à evolução dos salários dos profissionais de RH em 2021, temos três cenários diferentes:

  1. Para os profissionais de RH que permaneçam na empresa atual, é esperada uma estagnação salarial ou um ligeiro aumento de cerca de 1-2%, juntamente com cortes salariais na parte variável;
  2. Por outro lado, os profissionais de RH que consigam um novo emprego numa empresa diferente podem obter aumentos salariais de 10-15%.
  3. Por fim, espera-se que os profissionais de RH que consigam um novo emprego vindos de uma situação de desemprego tenham uma redução salarial em relação à última experiência de trabalho, com cortes salariais de até 15%.

Impacto da Covid-19 nas áreas de recursos humanos

A Covid-19 impactou empresas de diferentes setores em maior ou menor grau, e destacou indubitavelmente o papel estratégico desempenhado pela função de Recursos Humanos. O ano de 2020 foi marcado por uma grande procura de profissionais com conhecimentos em relações laborais, negociação de acordos coletivos de trabalho e capacidades de redefinir rapidamente os planos de remuneração e retenção de talento.

Da mesma forma, durante os meses mais desafiantes da pandemia, as organizações implementaram novos processos e fortaleceram aqueles que já existiam. Profissionais de Change Management apoiaram a implementação da nova realidade de trabalho, ajudando as empresas a acompanhar o desempenho das suas equipas e tarefas diárias, melhorando o bem-estar e o espírito de equipa, criando novos fluxos de comunicação e suporte e, por último, desenhando planos de contingência para evitar que os melhores colaboradores deixassem a organização.

Profissionais de Comp&Ben também foram importantes para adaptar pacotes salariais ao novo contexto económico e expectativas de negócio.

Top tendências de contratação para recursos humanos em 2021

  • Top 3 profissionais mais procurados: Talent Acquisition Specialist, Change Management, Comp&Ben Manager; 
  • O papel do RH dependerá intrinsecamente do setor da empresa: as empresas cujos resultados comerciais foram profundamente impactados pela pandemia - como foi o caso do setor industrial – irão procurar principalmente perfis especializados em relações laborais e gestão de pessoas;
  • Em setores que enfrentam maior incerteza, como retalho ou aqueles ligados ao setor do turismo, as funções generalistas e de HR Management serão as mais procuradas, incluindo Diretores de Recursos Humanos e HRBP;
  • As organizações vão procurar profissionais criativos e empáticos que entendam e possam minimizar o impacto que as medidas de RH têm no bem-estar dos empregados: embora as habilidades técnicas mantenham a sua importância, as organizações não perderão de vista as soft skills, principalmente uma forte inteligência emocional e um claro espírito de colaboração ao recrutar novos colaboradores.

Habilidades imprescindíveis em 2021 para perfis de recursos humanos

Em relação às soft skills mais procuradas para profissionais de RH em 2021:

  • Habilidades analíticas e de comunicação: os profissionais de RH devem ser capazes de resumir claramente todas as mudanças e decisões tomadas no departamento de recursos humanos com transparência e confiança. Devem também ser capazes de responder às dúvidas e sugestões dos colaboradores de forma pragmática e segura;
  • Excelente orientação para o negócio: os profissionais de RH devem ser capazes de entender, adaptar e melhorar as suas estratégias com base na situação, necessidades e perspetivas futuras do negócio;
  • Proatividade e criatividade: os profissionais de RH devem antecipar-se e enfrentar situações que ameacem a estratégia da organização com foco nas pessoas, e gerar soluções alternativas com rapidez, inovação e eficiência.

As estratégias das empresas para atrair e reter os melhores profissionais de RH em 2021 devem focar-se em gerir com sucesso as situações de crise

Em termos de habilidades técnicas, espera-se que os profissionais de RH tenham sólidos conhecimentos de:

  • Relações Laborais: mesmo que os profissionais de RH não se foquem exatamente nesta área dentro da organização, cada membro do departamento deve estar a par das mudanças regulatórias em questões laborais que podem afetar a sua organização e as suas funções;
  • Remuneração e Benefícios: num contexto de limitação a contratações e pausas nos processos de recrutamento, se a empresa não tiver uma função especializada em Remuneração e Benefícios (Comp&Ben), muitos perfis generalistas e de gestão terão de se adaptar para redesenhar o plano de compensação da organização de forma a recompensar o desempenho de cada trabalhador da melhor maneira possível;
  • Estratégias de retenção de talento: os profissionais de RH devem ter a capacidade e criatividade para explorar e criar novas soluções de desenvolvimento profissional num contexto geral de limitações salariais.

Como atrair e manter o melhor talento de recursos humanos em 2021?

François-Pierre Puech, Country Manager na Robert Walters Portugal, comenta: 

“As pessoas recordam como as suas organizações se comportam em momentos de complexidade e incerteza. Logo, com a Covid-19, a forma como uma empresa específica e o seu departamento de RH atuam será fundamental para a retenção e compromisso dos empregados. Assim, as estratégias das empresas para atrair e reter os melhores profissionais de RH em 2021 devem focar-se em gerir com sucesso as situações de crise.”

Além disso, perante um contexto de diminuição de receita e lucro, será difícil realizar medidas financeiras que satisfaçam os trabalhadores. Ainda assim, os profissionais estarão mais abertos a aspetos intangíveis, como transparência, comunicação, flexibilidade e oportunidades de formação, incentivos através dos quais as empresas podem alcançar um resultado positivo, a curto, médio e longo-prazo.”

Sobre o Salary Survey 2021

Ao longo de mais de 20 anos, empresas e profissionais têm confiado no Salary Survey da Robert Walters para os apoiar a tomar decisões importantes sobre os seus negócios e carreiras. Este ano, oferecemos-lhe ainda mais insights com a nova plataforma 100% digital do Salary Survey, dando-lhe acesso facilitado a todas as tendências salariais e de mercado que precisa de saber, onde quer que esteja. Para além de um guia compreensivo e dinâmico sobre salários para centenas de funções em 31 países, o nosso novo Salary Survey digital está repleto de ferramentas e recursos úteis tanto para responsáveis de contratação como profissionais em busca de uma nova oportunidade, incluindo as últimas tendências e análises para o seu setor e função, uma nova calculadora salarial com resultados personalizados, e vídeos dos nossos especialistas sobre o mercado de trabalho em diferentes setores. 

*Sobre o estudo da Robert Walters para a pesquisa salarial global

A Robert Walters realizou em Dezembro de 2020 dois questionários globais a mais de 3,000 responsáveis de seleção e 15,000 profissionais de diversas áreas (banca, seguros, contabilidade, finanças, RH, tax, legal, IT, digital, marketing, vendas, engenharia, energia, indústria, supply chain, pharma, healthcare, biotech, real estate e infraestruturas, entre outros) em 31 países, com 100 respostas de empresas e 300 de profissionais em Portugal. Destes, a maioria reside em Lisboa, pertencendo principalmente a níveis de senioridade entre associado, mid-senior a diretivo. 64% são homens e 36% são mulheres, tendo na sua maioria entre 25 e 54 anos. 70% destes profissionais conta com um contrato sem termo, 10% têm contratos a termo e 6% trabalham como freelancers. 14% dos inquiridos encontravam-se desempregados no momento do inquérito.

Precisa de conselhos de contratação, ou tem uma oferta de emprego? Entre em contacto connosco.

Salary Survey Global

banner túnel iluminado às cores - salary survey
»
»
banner seta azul neon - contacto

Divisão de Contabilidade, Finanças e RH 

»

Envie-nos a sua oferta de emprego 

banner prisma lilás - enviar oferta de emprego
»

Conselhos de contratação 

banner túnel iluminado às cores - salary survey
»

Newsroom 

banner setas coloridas iluminadas - newsroom
»